quinta-feira, 22 de setembro de 2016

Tapete, como escolher o melhor?

Se na hora de comprar um tapete surgir aquela dúvida de qual o melhor tamanho, cor e textura; essas dicas poderão lhe auxiliar para que faça a escolha ideal e deixe seu ambiente belo, confortável e seguro.


Foto: Casa Vogue


Foto: Casa de Valentina

Sabe aquela velha história de que o tapete precisa entrar embaixo do sofá pelo menos 30cm? Então, não existe uma regra a ser seguida. Tudo depende do tamanho da sua sala. O importante é seguir uma proporção e deixar tudo em harmonia.



Foto: Decor Fácil

 O tapete deve ser um dos últimos itens a ser adquirido na decoração da sua sala nova. Depois que os móveis estiverem posicionados, veja qual a área que quer cobrir com ele utilizando uma fita métrica e saia às compras. 

Claro que, se você tem um tapete com valor sentimental e não quer se desfazer dele de jeito nenhum, comece a decoração partindo dele. Leve em consideração as cores, textura e tamanho, e vá compondo o resto da sala em harmonia com essa peça.


Foto: Buzz Feed

Se esse tapete "especial" for pequeno, compre um maior para servir de base, que atenda as medidas necessárias do ambiente e faça uma sobreposição, o ambiente ficará lindo!

Foto: Casa de Valentina


Foto: Casa de Valentina


Quanto ao formato quadrado, retangular ou redondo, é necessário analisar o ambiente na hora da escolha. Os redondos são ótimos para dar destaque por exemplo, na mesa de centro.


Foto: Houzz


Foto: DecorFácil


Foto: Minha Casa
Já pensando nas cores, tapete escuro tende a diminuir o ambiente, é ideal para salas grandes e podem inclusive ter alguns detalhes coloridos. Já os claros como bege, branco e cinza são ideais para qualquer tipo de ambiente.


Foto: Decor Fácil

Foto: Dcoração

Foto: Arkpad

É importante ficar atenta as distâncias entre sofá e estante ou sofá e tevê. Se esse espaço é de circulação de pessoas, aplique sim a regra dos     30 cm embaixo do sofá, garantindo a segurança das pessoas que circulam por ali, e o ideal é que a largura do tapete seja maior que a largura do sofá.



Foto: ByKamy


Foto: Casa e Jardim
Seu espaço é amplo? Então tente comprar um tapete que ocupe toda a área da sala como os sofás, mesa de centro e poltronas, assim o tapete sinalizará ali um lugar mais intimista e confortável para aquele gostoso bate-papo. Não precisa necessariamente cobrir toda a sala, pode aparecer um pouco do piso, fica ótimo.

Foto: Jeffers Design Group


Foto: Home Bunch


Muitas lojas costumam levar até o cliente algumas peças para teste no ambiente, peças que você escolhe na loja mas fica em dúvida na hora da compra. Esse serviço especial é excelente porque nem sempre é fácil visualizar o ambiente num todo e isso evita arrependimentos e insatisfação na aquisição de um item tão importante como é o tapete na decoração.



Foto: Arkpad

Leve sempre em consideração que o tapete deve proporcionar conforto e aconchego no ambiente, além de levar personalidade e complementar a decoração com vida e alegria.



Foto: Desiretoinspire


Foto: Assim eu gosto


Foto: Assim eu gosto
Se você gostou da matéria deixe seu comentário e compartilhe com suas amigas. 

Um grande beijo e até o próximo post. 

sexta-feira, 2 de setembro de 2016

Sofá Chesterfield

Sabe aquele sofá imponente, elegante e luxuoso que dá vontade de sentar e sentir-se poderosa(o)?
Pois é, esse é o sofá Chesterfield!
Foto: Primer
Criado por Phillip Stanhope, 4º Conde de Chesterfield, cidade da Inglaterra durante a era vitoriana, por volta de 1900.
Imponente, esse sofá é um verdadeiro ícone da decoração de interiores.
Clássico e sofisticado, a versão original é toda feita em couro com capitonê e braços arredondados, porém existem no mercado reproduções em veludo e até em tecido patchwork.
Foto: Findingsilverpennies

Foto: Restorationhardware

Foto:Anthropologie
Se sua decoração pede um estilo clássico, aposte no couro preto, vermelho ou marrom.
Se quer um toque mais delicado, aposte em tons mais claros, mas se seu estilo é alegre e descontraído, vale investir no patchwork.
Foto: Adobesofas
Foto: Adobesofá
Foto: Etsy
Foto: Almocodesexta
Foto:Readerscorner
Foto: Britmorin
Foto: Soloeroticus
A peça é destaque em qualquer ambiente e se encaixa em qualquer decoração pelo luxo, classe e estilo!
Vale a pena ter um desses não é mesmo!!!

sábado, 27 de agosto de 2016

Aparadores atrás do sofá.

Ambientes integrados como sala de jantar e estar, por exemplo, pedem itens de decoração que possam fazer a divisão dos espaços com um certo toque de charme e beleza.
Uma dica "chique e simples" é utilizar aparadores atrás de sofás. 
Os aparadores embelezam o ambiente, servem de apoio para objetos e até se transformam em uma mini biblioteca.
Algumas imagens servirão de inspiração para você investir nessa peça tão versátil!!!

Foto: construindominhacasaclean

Foto: casa.com

Foto: casa.com

Foto: beabádadecoração

Foto: líderinteriores

Foto: letsdecor

Foto: assimeugosto

Foto: casavogue

Foto: decorandocomclasse

Foto: casavogue

Foto: casa.com

Foto: liderinteriores

Foto: tempodadelicadeza



domingo, 3 de julho de 2016

Lareiras, no inverno aquecem, no verão decoram.

Como o frio resolveu mostrar pra que veio, nada melhor que pensar em alternativas para deixar o ambiente quentinho e aconchegante, deixando de lado os aquecedores que não são tão belos assim.
As lareiras além de exercerem essa função com muita competência também são ótimas para decorar qualquer ambiente.
São muitos os modelos disponíveis no mercado e para auxiliar na hora da escolha, aqui vão algumas dicas sobre cada um deles, mesmo assim, é importante entrar em contato com o fornecedor para maiores informações sobre instalação, tamanho e tipo adequado para cada ambiente.

Lareira Elétrica, Virtual ou Digital 
A facilidade de manuseio, a praticidade, a segurança e a vantagem em ajudar a tirar a umidade do ambiente, faz desse modelo um dos queridinhos do inverno.
Semelhantes a uma TV, com chama virtual 3D, som e imagens; as lareiras elétricas proporcionam charme, aquecem ou apenas decoram os ambientes, tudo isso através de um controle remoto.
Seu funcionamento assemelha-se a um aquecedor e seu uso é indicado para ambientes internos residenciais.
Não produzem fumaça nem gás carbônico, não desperdiçam energia e são confeccionadas com produtos ecologicamente corretos.
Fáceis de instalar, podem ser encaixadas em um móvel de madeira ou metal, em nichos de alvenaria, gesso ou até como uma quadro na parede, as lareiras elétricas pedem apenas uma tomada exclusiva.
Na hora da compra, é importante obter mais informações do fornecedor, inclusive para saber qual o tipo de instalação a ser realizada. Clique aqui e obtenha detalhes e mais informações sobre esse tipo de lareira.
Foto: lareirascarvalho

Foto: detalhesmagicos


Foto: coisaseideias
Lareira a gás
A vantagem desse tipo de lareira é que não faz sujeira e nem precisa de chaminé, porém como funciona com gás natural ou com botijão de cozinha (GLP), é necessário ter um ponto de gás no local onde será instalada. Atenção na hora de comprar sua lareira a gás: ela deve possuir uma válvula que corta o fornecimento de gás caso a chama se apague, isso evita o vazamento de gás pelo ambiente. Atente também se o produto possui um sistema que mede a quantidade de gás carbônico no ambiente e se desliga automaticamente quando a quantidade desse gás for considerada imprópria para a respiração. Esse sistema de segurança é regulamentado pela ABNT na NBR 13.103 para evitar acidentes. Leia mais informações sobre  lareira a gás aqui 
Foto: Villapano

Foto: Rafinattocasa


Lareira a lenha
Para quem aprecia a cor natural do fogo e os estalos da madeira, essa escolha é a certeira. Embutida na parede, sob medida ou comprada pronta, é necessário um profissional para fazer a canalização da fumaça.

Foto: Arkpad

Foto: Arquiteturemais

Foto: Construflama

Lareira Portátil à Álcool
Trazendo modernidade ao ambiente, esse tipo de lareira pode ser instalada em ambientes internos e também externos.
Se instalada em local fechado, é necessário que tenha ventilação suficiente para promover a renovação do ar para que o oxigênio seja reposto.
Por não utilizarem lenha não há necessidade de dutos nem chaminé pois, não emanam fumaça e a chama é muito semelhante a da lareira convencional.
Se utilizado o bioetanol, cuja produção é a partir da cana-de-açúcar e é fonte de energia renovável, por ser biodegradável e não poluente, não é prejudicial à saúde.
Na hora de escolher o modelo da lareira, é importante levar em consideração o tamanho do ambiente pois, existem queimadores de tamanhos variados para atender diversas necessidades.
Conheça os diversos modelos e obtenha mais informações clicando aqui
Baixo custo, eficientes, sem odores e sem a necessidade especial de instalação, as lareiras a bioetanol chegaram pra ficar!

Foto: Classesobmedida

Foto:Interdesign

Foto: Bbel

Salamandras - Lareiras de ferro/metal
Para ambientes internos e externos, são encontradas em diversos estilos e feitas em chapa de aço ou ferro fundido. O revestimento interior é feito de tijolo refratário.
Utiliza lenha ou carvão e sua instalação pede uma encanação vertical.
Alguns modelos podem vir com forno acoplado, semelhante ao fogão à lenha, podendo assim ser instalada em um espaço gourmet por exemplo ou em casa de campo.
É importante fazer revisão anual e limpeza do tubo de extração da fumaça.


Foto: Mle


Foto: Linocoelho


Foto: Mle

Foto: Mle

São muitas as opções e modelos que podem completar a decoração de sua casa, sua loja ou seu escritório.
Em caso de dúvida, é sempre bom ouvir a opinião de um especialista do produto e também de um(a) designer de interiores que, além de auxiliar na escolha do melhor modelo para o estilo da sua decoração, sugere também o lugar adequado para a instalação sempre pensando na segurança e na qualidade de vida dos moradores. 



Todos os textos criados neste blog são de nossa autoria, sendo proibida a reprodução total ou parcial dos mesmos. Algumas das imagens ilustradas foram reproduzidas de outros sites da internet, porém sem indicação do autor.
Caso algumas das imagens tenham sido passadas despercebidas por nós e publicadas indevidamente, favor entrar em contato que faremos a remoção ou inserção dos devidos créditos.