sexta-feira, 27 de janeiro de 2017

BUFFET, APARADOR, BALCÃO E BANCADA

Buffet, aparador, balcão e bancada são peças muito usadas na decoração, porém com funções e medidas distintas.

Os buffets são peças que geralmente fazem parte da decoração de salas de jantar, servindo como armários que armazenam peças pouco utilizadas ou louças e talheres que facilitam a montagem da mesa no dia a dia.
Normalmente tem profundidade maior e altura média de 85cm.





Os aparadores são móveis que compõem a decoração de um determinado ambiente. 
Normalmente são colocados em hall de entrada, atrás de sofás e em passagens como corredores. 
Muito usado usado para apoio de pequenos objetos como: chaves, carteiras, celulares, correspondências e são apoio também para objetos decorativos.
Geralmente tem profundidade menor e alguns com detalhes bem expressivos.





Os balcões, têm altura maior, sendo o padrão de 1.10m e servem de mesa de apoio para pessoas tanto em pé como sentadas em banquetas. 
Esse móvel geralmente é usado em áreas gourmet, cozinhas integradas ou em bares. 






Já as bancadas são instaladas em cozinhas e utilizadas de diversas maneiras. 
Junto a pia, próxima ao fogão, podem ser utilizadas servindo como área de trabalho e dependendo do tamanho pode até ser instalada como bancada de refeição dividindo dois ambientes.







Imagens: Pinterest

sábado, 10 de dezembro de 2016

30 porta talheres para darem um toque todo especial na sua mesa!

Aproveitando que estamos em um mês de muito envolvimento com decorações de Natal, achei que seria interessante trazer algumas dicas de decoração para as mesas.

Um pequeno detalhe faz toda diferença e acredito que uma mesa bem decorada e com personalidade encanta e arranca elogios de muitos convidados.

Inspirando-se na imagens e usando a criatividade, iniciaremos hoje pelos porta talheres que são fáceis de fazer e darão um toque todo especial nas festas de fim de ano!

Foto: Weshareideas

Foto: Pati Guerrato

Foto: blogdamariafernanda

Foto: Bordadosoma

Foto: Elo 7

Foto: Etsy

Foto: Etsy

Foto: Suacasasuafesta
  
Foto: Love for Christmas

Foto: Elo 7

Foto: Etsy

Foto: Revistacasaejardim

Foto: Elo 7

Foto: Cutlery Couture

Foto: Elo 7

Foto: Cutlery Couture

Foto: Tutusandtoads

Foto: Envyevents

Foto: Fbcdnsphotoseaakamai

Foto: Trucsetbricolages

Foto: Marta Malta

Foto: Elo 7

Foto: Consumo Social

Foto: Etsy

Foto: Cutlery Couture

Foto: Marta Malta

Foto: Elo7

Foto: Vamos Receber

Foto: Elo 7

Foto: Lolahome


quinta-feira, 10 de novembro de 2016

05 Dicas para uma reforma com economia, segurança e sem estresse.



As palavras "reforma e obras", geralmente quando pronunciadas costumam causar arrepios só de imaginar o quebra quebra, a bagunça, a sujeira e o estresse causado durante o processo. 
Elas são tão poderosas que têm o poder de desanimar quem está pensando em encarar uma reforma. 
Para espantar esse fantasma e fazer com que uma obra seja vista com outros olhos, aqui vão 5 dicas para o início da tão sonhada mudança; aquela que transformará sua casa em um ambiente agradável, bonito e confortável dentro da sua disponibilidade financeira e principalmente sem estresse.

1- Faça uma lista de suas reais necessidades, expectativas e desejos com relação ao ambiente a ser reformado ex: quero um ambiente agradável para relaxamento e descanso ou, quero uma área para receber amigos, ver filmes e ter aquele gostoso bate-papo ou ainda, preciso acomodar todas as minhas coisas nesse espaço pequeno e ainda montar o meu escritório.
Essas informações são fundamentais para se iniciar o projeto e obter o sucesso no resultado final.


2- Entre em contato com um profissional especializado, arquiteto ou designer de interiores para avaliar o local tecnicamente. Um levantamento sobre fiação, encanamento, estrutura e outros itens é feito para que não haja surpresas indesejáveis e tudo ocorra de maneira segura durante a reforma.


3- Se a obra envolve quebra de paredes, alteração de pontos elétricos, hidráulicos e se ocorre em apartamento ou condomínio fechado é obrigatória a apresentação de uma documentação técnica ao síndico e à prefeitura. Essa documentação é feita pelo profissional contratado e é fundamental para garantir a segurança e a tranquilidade das pessoas durante a obra.


4- Uma vez aprovada a documentação, é hora de dar início ao planejamento e ao desenvolvimento do projeto. Alteração de layout, definição de cores, especificação de materiais, pesquisas de preços com fornecedores confiáveis e prazos de entrega são algumas das etapas que deverão seguir de acordo com a disponibilidade financeira do cliente, o que para isso envolve transparência entre contratante e contratado; assim a obra ocorrerá com total segurança, economia e qualidade.


5- Um cronograma de obras é feito e acompanhado pelo profissional dia a dia, agilizando o processo e atendendo todas as expectativas do cliente. Toda responsabilidade da reforma fica por conta do arquiteto ou designer, que tem equipe de profissionais qualificados para executarem a obra com total agilidade e garantia dos serviços.


Lembre-se que a reforma é feita para proporcionar conforto e bem-estar às pessoas, além de agregar valor ao imóvel.  O ideal é que todo o processo ocorra de forma natural e sem estresse pois, o sucesso de uma reforma depende da parceria entre arquiteto, designer e cliente.


Se tiver alguma dúvida, mande para nós que teremos imenso prazer em respondê-la.
Um super beijo e até o próximo post!